ministeriohorafinal

“De Volta aos Originais das Escrituras Sagradas (Bíblia)”

In Artigos on 24/08/2009 at 10:52

“Convém que o céu O contenha até os tempos da “Restauração de tudo”, dos quais YAHU falou pela boca de todos os Seus santos profetas, desde o princípio”. Atos 3:21

.

Durante anos seguidos, aprendemos e fomos ensinados, que a “Bíblia Sagrada é Perfeita”nos seus mínimos detalhes, e que os “tradutores” jamais ousariam introduzir mensagens que não fossem fidedígnas, e compatíveis com os originais no Hebraico e Aramaico e consequentemente para o Grego, Latim e culminando com a nossa língua, o português! Convém ressaltar:”Os Verdadeiros Originais sempre serão preservados…e Transliterados, não traduzidos, mas infelizmente nem tudo o que lemos é originalmente Sagrado!…

.

Em razão da “inviolabilidade” das Escrituras asseguradas por YAHU em Yarmi-Yahu (Jeremias):”Viste bem, pois Eu velo  sobre A Minha Palavra para A Cumprir”.Cap.1:12. e ainda A garantia Do nosso Salvador YAHUSHUA: “O céu e a terra passarão, mas as Minhas palavras não passarão!”>Man-YAHU(mat-us 24:35, Hoje temos o livre acesso aos Originais Fidedígnos!

.

Para corroborar estas Palavras Imutáveis, RUKHA HOL HODSHUA= O Espírito Santo Do CRIADOR- nos revela em Atos 3:21 que A Volta Gloriosa de YAHUSHUA, O Nosso Salvador Amado, dar-se-á após “A Restauração de Tudo, profetizado pela boca  de todos os Seus santos profetas, desde o princípio. E dentre esta “Restauração”,veremos O Retorno aos Originais das Escrituras, de onde os “tradutores” nunca deveriam ter saido e nem acrescentado sérias corrupções!Em todo o mundo, este Mover Sobrenatural de RUKHA YAHUSHUA se faz sentir !

.

Vejamos alguns exemplos de sérias adulterações nos originais:

1- Não se traduz nome próprio, muito menos os Sagrados YAHU=CRIADOR, O ETERNO

YAHUSHUA= O nosso Salvador- O Messias, mesmo porque não existia  a letra “j” no hebraico,até o secúlo XV, de onde se infere rapidamente a corrupção para “Jesus”

RUKHA ULHIM= O Espírito Santo Do CRIADOR. O ideal é que se mantenha no Original. Particularmente não vejo dificuldades em usar os vocábulos que conhecemos- O Espírito O Santo, Mas as adulterações nos nomes DO Pai e DO FILHO são inaceitáveis, e qualquer hebraísta, por mais simples, sabe destas verdades que Libertam!

 2-“Não tomarás O Nome YAHU teu Ul, em vão!”

 “Não tomarás o nome do Senhor teu Deus em vão”.Dois nomes corrompidos:”Senhor e Deus”

.

“Senhor”, não é nome. além de ser literalmente o significado de “Baal”. “Deus”é da palavra raiz “Zeus”, ídolo da mitologia grega.  YAHU é  O Nome Santo e  Eterno DO ALTÍSSIMO.

.

O Título “El”

Não é correto usar “El” para se referir AO ALTÍSSIMO. “El” é uma palavra que toda língua semítica tem em comum.Uma simples pesquisa na verdadeira sobre “El”, irá revelar que era um ídolo pagão muito popular na história antiga desses povos.

A Palavra do hebraico arcaico que se refere AO CRIADOR é “UL” e nunca “El”.

“El” era associado com luxúria, incesto,imoralidade,deslealdade, adultério, etc.

.

O título “El Shaddai”

“Portanto, jamais use a expressão “El Shaddai”. O Corretíssimo é  SHUADDAI= O SUPREMO-TODO SUFICIENTE! Exemplo: YAHU SHUADDAI ! Não se usa UL ou ULHIM SHUADDAI, pois UL ou ULHIM já é SHUADDAI”! YAHÚ SHUADDAI Qualifica,não contradiz!

Fonte: Apócrifos & Religião/  Ministério Hora Final

Nosso e-mail: ministeriohorafinal@hotmail.com

  1. Preciso conhecer a verdade estou tendo dificuldades ao pronunciar os nome tenho 35 anos conhecie o altíssimo aos 18. Não é fácil

    • Alexandre:
      Acima de qualquer idioma, inclusive o hebraico, o que prevalece é nossa Comunhão com o ETERNO, Mediante YAHUSHUA, PELO ESPÍRITO da VERDADE, que nos Guia a toda VERDADE.YAHU-Khanam 16:13.
      Na Realidade, Alexandre, o que devemos ter cuidado é quando nos dirigirmos à TRIUNIDADE com Seus NOMES já Identificados, Sendo o ESPÍRITO SANTO da mesma Fonética RUKHA=ESPÍRITO HOL=O HODSHUA=SANTO-PURO. A exemplo do inglês, o “h” sempre tem som “RR”. No caso de “RUKHA” não se Pronuncia o “K”, ficando, portanto: RÚRRA.É um som gututal.
      A Maneira mais Prática e Feliz de Fato é Aprendermos pelo ESPÍRITO de YHWHSHUA (Usei O TETRAGRAMA SAGRADO, que é o Nome do ALTÍSSIMO, Mais SHUA=”Salvação de”. Desta Maneira você Ilimina todo argumento contrário, pois ninguém na face da terra consegue contestar o TETRAGRAMA SAGRADO, até mesmo os seguidores de YESHUA, que Abreviam sem Reverência o Nome do ALTÍSSIMO para “- YA”, pois SHUA é Transliteração para SALVAÇÃO
      DE… YHVH no caso da Colocação Correta.
      Outro fato marcante: Nomes com ‘zeus’=Mateus,Hebreus,não se usa em razão mitologia grega-pagã ao nome, bem como Joel, Jeremias,Jerusalem, Etc. até o séuculo XV. Note bem…até o seculo XV, quando Pierre ( )acrescentou esta letra”J”. É muito comum e praticado entre os Yahudim (m plural-Yahudi-singular), a subtração de uma letra quando se deparam com um nome adulterado. Exemplo: Mat-us,Hebr-us, etc.mas esta norma não os credencia para a salvação sem o Novo Nascimento, YAHU-Khanam(Rranam) 3:1-
      Outra cousa: Não somos hebraizantes, e rejeitamos toda a prática da lei, que foi Abolida Definitivamente no madeiro. Gálatas 3:13-
      Veja você que estou escrevendo ‘
      ‘Gálatas, igual a Gálatas’.Se quisermos nos tornar muito radicais, teremos que Transliterar tudo. Amém; é certo, Amnáo!
      Hebraico arcaico, hebraico moderno,ditongo “AO” inexistente e uma série de incoerências, nos desafiam a andarmos pelo ESPÍRITO. Gálatas 5:16

      Até a próxima!
      Eterno Aluno do RUKHA YHWH=ESPÍRITO de YHVH,
      Anselmo Rafael Franco

  2. Queria provas para provar queo termo Hodshua está nas escrituras originais hebraica se referindo ao Rukha do Criador para mostrar pra outros que dúvida! Aguardo resposta!

    • Conhecendo o RÚRRA Hol Hodshua

      RUKHA( pronunciamos: RÚRRA), literalmente significa : sopro, vento.

      As Escrituras nos relata acerca de um RUKHA(pronunciamos: RÚRRA), o qual IARRÚSHUA rogou ao PAI – IÁRRU, para que nos enviasse, mas que RUKHA é esse? Qual o seu significado e, qual a sua importância no plano de salvação do IÁURRU para o homem?

      Antes de mais nada , precisamos ter em mente que o homem em si mesmo, não é capaz de se salvar! Portanto, sendo assim , faz-se necessário que alguém o convença, que alguém o conduza ao caminho que é Verdade e, Vida ao que crer , de modo que seja desfeita a inimizade estabelecida pelo pecado, o qual faz a separação entre IÁURRU e o homem.

      De acordo com as escrituras, não é a carne, nem o sangue que convence o homem de seus maus caminhos, mas sim aquELE que o Filho rogou ao PAI para que nos enviasse, a saber: o RÚRRA Hol Hodshua! Qual o seu significado?

      O RÚRRA é um Pessoa, o qual de acordo com as Escrituras tem sentimentos, logo, sendo uma Pessoa, RÚRRA é NOME, cujo significado é: sopro, vento. Tem por missão dar testemunho acerca daquele que o enviou(Jo 5:32), de modo que seu testemunho reascenda a centelha existente no homem, convencendo-o de seu estado de pecado e, assim sendo, destituído da presença de ULRRIM!

      Como temos aprendido: NOME NÃO SE TRADUZ! NOME SE TRANSLITERA! Portanto, RÚRRA é o NOME da terceira pessoa, que atua no plano de Salvação do IÁURRU e, o seu atributo é o de Meneaokhem(pronunciamos: Menaorrém), ou seja, o de Consolador, aquELE que instrui o homem no caminho que deve seguir, que intercede por nós com gemidos inespremíveis.

      O Significado do RÚRRA Rol Rodshua

      O RUKHA HOL HODSHUA (pronuciamos: RÚRRA Rol Rodshua) significa: RÚRRA do Esplendor da Salvação, pois é ELE quem nos revela acerca daquELE que O enviou, reacendendo no homem, a chama abafada pelo pecado, pecado esse que faz a separação entre IÁURRU e o homem. Yaohurranam(Jo)14:16-18;26

      É o RÚRRA Rol Rodshua que IAURRÚSHUA rogou ao PAI para que nos enviasse, afim de que ESTE nos conduzisse a toda verdade, ajudando-nos a entender a mensagem da Verdade e, dando-nos testemunho sobre IAURRÚSHUA. É por meio dessa Verdade a nós revelada, que ao darmos crédito, recebemos o poder de sermos chamados Filhos do ALTÍSSIMO.

      No hebráico moderno, o NOME RÚRRA Rol Rodshua foi corrompido para Ruach Ha Qôdesh e, este, por Espírito Santo.

      Mas de onde vem o termo Hodshua(pronunciamos: Rodshua)?

      O termo Hodshua tem como raiz a palavra HOD(pronunciamos: Rod), que de acordo com o Dicionário VINI – Significado Exegético e Expositivo das Palavras do Antigo e do NovoTestamento, na pág.114, tem o seguinte significado:” esplendor, majestade, autoridade. Esses significados, com implicações de poder e posição superiores, é atestado na implicação desta palavra aos reis, dando-nos como referência o texto que se encontra em Jr 22:18 e, também usada para se referir a ULRRIM,dando-nos como referefência o texto que se encontra em Jó 37:22.

      Clique nos arquivos abaixo e, vejam as informações contidas no Dicionário VINE, pagª 114 e 115

      DICIONÁRIO VINI.jpg (84,3 kB)
      PAG.114 VINE.jpg (58108)
      PAG.115 VINE.jpg (76076)

      Essa informação também é facilmente constatada, no Dicionário Hebráico-Português e Aramaico-Português 10ª Ediçao – Sinodal/Vozes pgª 52. Clique e veja nos arquivos abaixo a informação contida no Dicionário Hebráico-Português:
      DICIONÁRIO HEB.PORT..jpg (7989)
      TEXTO DO DICION.HEBR.PORT,.jpg (33572)

      Leia mais: http://www.oholyao-em-queimados-rj.com.br/estudos-escriturais/conhecendo-o-rurra-hol-hodshua/

      Este resumo, espero ajudá-la, embora não ADOTEMOS a transliteração “YAU, YAO, com esse ditongo inexistenmte no hebraico, mas somente YA, forma Abreviada em alguns Textos Escriturais, pois a forma abreviada poética , cerca de 2000 vezes nas Escrituras, se distancie do TETRAGRAMA SAGRADO (SAGRADO,SIM!) com mais de seis mil Referência. Usa-se, portanto am algumas alternativas, mas não Usual. Ademais, não se abrevia O NOME SAGRADO!

      • Elisabeth:

        Este resumo, espero ajudá-la, embora não ADOTEMOS a transliteração “YAU, e YAO, com esse ditongo inexistente no hebraico, mas somente YA, forma Abreviada em alguns Textos Escriturais, pois a forma abreviada poética , cerca de 2000 vezes nas Escrituras, se distancie do TETRAGRAMA SAGRADO (SAGRADO,SIM!) com mais de seis mil Referências. Usa-se, portanto, am algumas alternativas, mas não Usual. Ademais, não se abrevia O NOME SAGRADO!

    • Diante de algumas afirmações a respeito do termo Hodshua, na qual afirma-se que este termo é pagão, surge-nos então a seguinte pergunta: Em que se baseia tal afirmação? Buscarmos essa resposta é importante e, essa busca deve-se primeiramente se dar naquELE a quem as escrituras fazem menção, de modo que em tudo quanto nos chegar as mãos e, aos ouvidos, sejamos capazes de discernirmos se é ou não verdadeiro!

      Há quem apregoe que a palavra Hodshua é pagã, pelo fato dela conter a palavra Hod(הֽוֹד), a qual é usada na Cabala. Daí, para estes, Hodshua não deve ser usado em nosso meio. E, nisso pensamos: ” se o fato de Hod ser usado na cabala, torna a palavra Hodshua pagã, então não deveríamos fazer uso de nenhuma palavra contida na Torah, visto que cada letra do alfabeto hebraico, assim como cada palavra e, número contidos na Torah, são objetos de interpretação na Cabala, com o objetivo de obterem através dessa revelação mística, o que lhes é oculto a respeito de ULRRIM e, acerca das leis do universo.

      Um fato intressante e, que nos chama a atenção nas afirmações dos que apregoam que a palavra Hod é pagã por ser usada na cabala, é o fato deles não mencionarem que segmento cabalístico eles tomam como base, para defenderem suas afirmações a respeito da palavra Hod, uma vez que, a Cabala tem várias linhas de segmento, dentre elas podemos citar: a Cabala cristã(também chamada de Cabala do Renascimento ou Cabala Filosófica), a Cabala judaica, a Cabala hermética, a Cabala Droconiana e, etc.

      E, nessa falta de informação, ao paganizarem a palavra HOD, não se atentam para o seguinte fato: do mesmo modo que encontramos a palavra HOD na cabala, também encontramos a palavra chessed (misericórdia) e, a palavra Chokmah ( sabedoria) e, nem por isso, os que paganizam a palavra HOD, deixam de usá-las no seu dia a dia! Portanto, o fato dessas palavras serem usadas na cabala, deixaremos de usá-las? Deixarem de exaltar os feitos do IÁURRU em nosso favor, mediante a sua misericórdia? Mediante a sua sabedoria? Claro que não!

      O fato do ladrão amar por demais seus filhos, não nos impede de amar os nossos! Não é porque nas demais religiões existentes mundo afora, a caridade é praticada, que nós, na oholyao não a praticaremos! Não é porque o homem mal, come, bebe, dorme, toma banho e,ora, que nós deixaremos de fazer tais coisas!

      Precisamos nos atentarmos para o seguinte fato: A origem da Cabala, deu-se APÓS os cinco livros contidos na Torah, terem sido escritos, isto é, por volta do século II. E, posteriormente foi sendo difundida nos séculos XII e XIII no sul da França e, da Espanha, sendo reinterpretada no renascimento místico judeu da Palestina Otomana do século XVI.

      Como podemos perceber, antes de haver o conceito de Cabala e, suas interpretações místicas, a palavra HOD já estava contida nas escrituras sagradas! Portanto, afirmar que HOD (הֽוֹד) é uma palavra pagã NÃO faz sentido! HOD não foi enxertado e/ou inventado nas escrituras, HOD ESTÁ CONTIDO nas Escrituras!

      Vale ressaltar que, reconhecemos a importância de sabermos a origem de costumes e, tradições que permeiam a sociedade da qual as Escrituras fazem menção, bem como da sociedade na qual estamos inseridos e, do mesmo modo as palavras que em nosso meio são usadas, mas para isso, faz-se necessário uma análise centrada, objetiva e, contextualizada no que diz respeito a conceito histórico, cultural, linguístico e, geográfico, do que se busca conhecer, de modo que as informações obtidas, tragam luz sobre o que até então nos é desconhecido.

      De acordo com o Dicionário VINE, página 114, a palavra Hod, tem como significado: esplendor, majestade e, autoridade. Das 24 ocorrências bíblicas da palavra Hod, apenas 4 não se dão em poesia. O significado básico de esplendor e majestade com implicações de poder e, posição superiores é atestado na aplicação desta palavra ao reis, conforme podemos constatar nos textos abaixo:

      Yarmyaohu(Jr) 22:18 ” Portanto assim diz IÁURRU acerca de Yaohuiaquim (Jeoiaquim), filho de YaosaYaohu (Josias), rei de Yaohuda: Não o lamentarão, dizendo: Ai, meu irmão, ou ai, minha irmã! Nem o lamentarão, dizendo: Ai, adon, ou, ai, sua Hodah (glória)!

      Jó 37:22 ” O esplendor (Hod) de ouro vem do norte; pois, em ULRRIM há uma tremenda majestade.”

      Em muitos casos, Hod enfoca a dignidade e esplendor com implicações de poder e posição superiores, mas não no grau visto nos reis orientais, conforme podemos observar no texto abaixo:

      Nm 27:20 ” E põe sobre ele da tua glória (Hod ), para que lhe obedeça toda a congregação dos filhos de Yaoshorul.”

      Quando usado para se referir a oliveira, Hod enfoca o seu esplendor e dignidade, como a mais desejável das árvores, conforme texto abaixo:

      Oséias: 14:6 ” Estender-se-ão os seus galhos, e a sua glória(Hod) será como a da oliveira, e sua fragrância como a do Líbano.”

      Vejamos na foto abaixo, o que nos é ensinado através do Dicionário Hebraico-Português e Aramaico-Português, na página 53, a respeito da palavra HOD:

      FINALIZANDO…
      Como podemos observar, a palavra HOD é uma palavra polissêmica, na qual dependendo do contexto em que está inserida, pode significar esplendor, majestade e, vigor. Portanto, o fato desta palavra ser usada na Cabala, em nada a desmerece e, em nada a torna pagã! Já a respeito da palavra Hodshua, realmente NÃO a encontramos na Torah, nem no Tanach, nem nos escritos antigos como por exemplo: nos achados de Qumrã, nem nos escritos medievais, tais como: o Codex de Aleppo e Codex de Leningrado!

      O que percebemos em nossos estudos a respeito do termo Hodshua é, que este embora não se faça presente nas Escrituras Sagradas, é usado na Congregação para substituir a palavra Santo, quando na verdade, o que encontramos nos escritos antigos a respeito do que entendemos por Santo, é o termo KADOSH!

      Assim sendo, cremos que o correto é fazermos uso do termo RUACH KADOSH (pronunciamos: Ruár Kadosh), pois é esse o termo que encontramos nos escritos hebraicos já mencionados acima e, NÃO o termo Rurra Rodshua!

      Leia mais: http://www.oholyao-em-queimados-rj.com.br/estudos-escriturais/e-o-termo-hodshua-pagao/

  3. E mais;
    Quando se ‘translitera’ os Nomes Sagrados para a forma poética (abreviada) para: YA, há um total desrespeito ao NOME SAGRADO, quando se prática fora de algumas alternativas, pois O TETRAGRAMA SAGRADO e até mesmo pela arqueologia se comprova, é FORMADO POR 4 CONSOANTES. As mesmas considerações servem para os que inserem um ‘ditongo’ em “YAO”, inexistente, no hebraico, conforme já foi publicado.

    http://www.verdadesquelibertam.wordpress.com

    http://www.asescriturasfalam.wordpress.com

    Nosso e-mail: ministeriohorafinal@hotmail.com

    Nosso endereço pelo Skype: Hora Final 1-Nossas Reuniões> Sábados as 17 horas, quarto dia da semana as 19 horas, primeiro dia da semana as 16 horas.
    http://www.youtube.com/jornalhorafinal

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: